quarta-feira, 15 de novembro de 2017

A tristeza do Homem consiste em se saber mortal. Porque ele sabe que enquanto tenta, o tempo está passando. É quando o ser baqueia, porque no fundo não há o que que fazer. A única certeza nos faz tão pequenos, tão miseráveis, tão nulos! Surge então a desesperança!

Lécia Freitas




Todos os dias terminam na mesma hora: os bons e os ruins. Portanto, não se aflija! "A cada dia basta o seu cuidado!"

Lécia Freitas


Gosto principalmente de pessoas que não gostam de mim. Por algum motivo eu as tiro de seu juízo perfeito e mexo com o seu emocional. Ter ódio ou aversão em alguém é ser submisso a essa pessoa.

Alberto Freitas



As palavras ditas sabem mais longe. No entanto, prefiro as escondidas. Essas, dizem muito mais!
Que venha a tarde!
Lécia Freitas





Meu mundo nunca foi bonito nem perfeito. Muito menos eu. Mas a cada dia eu busquei tranformá-lo em melhor. E das muitas vezes que falhei, meu Deus, como falhei, eu tentei outra vez. E de novo. Quantas vezes fosse necessário. Aqui estou, a cada dia, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto. Pede-me para sorrir? Eu o faço, às vezes...também às vezes, é preciso aceitar as incógnitas.
Lécia Freitas


A gente sempre deixa pra depois
porque acredita que é melhor deixar o tempo passar
que novos tempos virão, 
que o tempo cura qualquer ferida
e a gente finge que está tudo bem
que o canto de anus nessas manhãs de primavera
traz o mesmo encantamento de outrora
que o “california dreams” dos renato e seus blue caps
ainda conseguem transpor a magia dos anos 80
insiste em dizer que está tudo lindo
sem perceber que o céu não está tão azul 
quando na verdade está

não se pode admitir 
que as coisas não estão funcionando
porque de concreto só existem lembranças
e as verdades deixaram de ser vistas e 
que viver de fantasia nunca foi bom 
nem no mundo de alice
mas a gente prefere viver de mentira
para não dar ao outro
o poder que ele já tem
por nos governar mesmo sem saber
porque pensamos continuamente

e a gente tem a ilusão que a vida segue
quando na verdade está parada
esperando um movimento qualquer
Que nos tire dessa inércia
do automotismo involuntário
que nos impede de viver o real
porque o medo de sofrer
de sangrar 
pela realidade de uma ausência
é bem maior

Lécia Freitas



Desamor não é só a falta de amor. É a certeza de que nunca haverá amor. Mas a vontade que chama, um dia traz o amor de volta. E ele volta a existir.

Lécia Freitas